sábado, 26 de janeiro de 2008

Não gosto do Dia dos Namorados.

É já no dia 14 de Fevereiro o “grande” dia. Vou citar aqui alguns motivos que fazem com que eu deteste essa data:

1. É uma data extremamente comercial. Queres ver? Sugere à tua namorada (ou namorado) que, ao invés de trocarem presentes, vocês passem a tarde do dia 14 abraçadinhos, trocando beijos e juras de amor eterno (que, geralmente, não duram mais de quatro meses) num banco de uma praça qualquer.

2. Em consequência ao item 1, a tua carteira tende a ficar bem mais leve: presente aqui, jantar romântico acolá, e teus rendimentos mensais indo para o buraco num único dia!

3. Nos quinzes dias que antecedem a fatídica data, as pessoas sentem-se na obrigação de se “ajuntar” com alguém, só pra não passar o dia dos namorados só. Que coisa estúpida, não? Acho que vou começar a vender o seguinte tipo de serviço:

Namorado temporário. Ei, você, vai passar o dia dos namorados sozinha? Está a ficar louca remoendo-se por dentro por causa disso!? Os seus problemas acabaram! Pela bagatela de 250€, compro um presente fixe, levo-te a jantar, e de borla, damos uns abraços lá em casa... Tel.:96 666 66 66

O único revés é que terei apenas uma cliente por ano… Acho que vou subir o preço.

4. Os media, TVs, rádios e tudo mais, condena e discrimina pessoas como eu, que acha o dia dos namorados uma tremenda merda, e mais ainda, os que estão solteiros. Quem é mais fraco psicologicamente, sente-se o último desgraçado do mundo, e passa o domingo depressivo, perguntando-se o que há de errado consigo mesmo.

5. É praticamente unânime: todos os weblogs da Internet falam do dia dos namorados. Nem este que estais a ler neste momento escapou a esta maldição.

6. Um facto que fez aumentar o meu descontentamento: no último domingo, às 19h30min, uma empresa de tele-mensagens liga aqui para casa oferecendo mensagens para enviar à minha namorada (!?). Porra, no domingo!? Depois, fiquei a questionar: como sabiam o meu telefone, e pior, o meu nome? E quem disse àqueles animais que eu tenho namorada? Eu não tenho, não tenho! Pra fechar, não gosto de tele-mensagem.

É, é isto. Espero que nenhuma pretendente leia este post. A situação está péssima, se elas souberem o quão insensível sou, aí sim começarei a cogitar a possibilidade de virar monge e ir meditar no Tibete.

2 comentários:

Loira disse...

Ahahahahahah
...vamos entao meditar os dois pro tibete!
;-))

Kiss

Marcia Rudy disse...

eu tbm não gosto do dia dos namorados...
grr